Inicia a Colheita da Maçã em Vacaria

Abertura Oficial da Safra da Maçã aconteceu na manhã de 30 de janeiro, na Fazenda Guabiju – Pomar integrante da empresa Rasip Alimentos.

O evento contou com a presença de parlamentares, autoridades de órgãos e instituições dos governos federal, estadual e municipal, dirigentes de empresas públicas e privadas e de instituições de pesquisa, ensino e extensão rural, além de lideranças do agronegócio, representantes de federações, associações, fundações, comissões e sindicatos, produtores e representantes do setor da maçã, parceiros e imprensa.

Dentre as autoridades, destacou-se a presença do Governador do Estado do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, acompanhado de sua esposa, a Primeira Dama e Secretária do Gabinete de Políticas Sociais, Maria Helena Sartori. Estiveram ainda presentes o Prefeito de Vacaria e Presidente da Associação dos Municípios dos Campos de Cima da Serra, Elói Poltronieri, o Secretário de Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo, o Secretário de Segurança Pública, Wantuir Jacini, o Presidente da Famurs, Luis Carlos Folador, Presidente da FGTAS, Juarez Santinon, representante da Associação Brasileira de Produtores de Maçã, Moisés Lopes Albuquerque, Chefe da Embrapa Uva e Vinho, Mauro Zanus, Deputado Federal Luis Carlos Heinze, Deputado Federal Pompeu de Mattos, os anfitriões do evento, Senhor Raul Randon e esposa Nilva, e Davi Randon, além de representantes das entidades e forças de segurança do município.

Saudando os presentes, José Maria Reckziegel, Presidente da Associação Gaúcha de Produtores de Maçã – AGAPOMI sinalizou a importante presença de todos, produtores associados, parceiros, autoridades políticas e administrativas dizendo:
– Nossa intenção é somar esforços e buscar maior representatividade junto aos órgãos públicos, políticos e entidades de classe apresentando a realidade do setor de produção de maçã e poder conquistar efetivo apoio para lutar por melhorias significativas que nos permitam continuar produzindo a fruta. Esta safra iniciou com algumas dificuldades, o que não é novidade para ninguém. Trabalhamos com a falta de frio, excesso de chuvas e a incerteza dos incentivos necessários para produzirmos com tranquilidade e eficiência.

Reckziegel enfatizou a preocupação em relação à abertura do mercado no Brasil para a maçã chinesa, o que ameaça a permanência dos produtores no setor da maçã e aproveitou para entregar uma relação de demandas ao governador Sartori.

Depois dos pronunciamentos, foi feita a colheita simbólica, marcando a Abertura da Colheita da Maçã na Safra 2016. Na sequência, os convidados foram recepcionados no restaurante do CTG Porteira do Rio Grande, onde foi servido um delicioso churrasco.